Portugal vice-campeão Europeu no CanSat 2018!




A 8ª edição do CanSat Europeu disputou-se de 27 de junho a 1 de julho em território nacional, na ilha de Santa Maria nos Açores. A competição contou com mais de 100 estudantes provenientes de 18 diferentes Países membros e associados da ESA e com uma equipa convidada do Japão. Foi a edição com o maior número de participantes de sempre!

A equipa GSat, do Colégio Guadalupe no Seixal, representou Portugal na qualidade de campeã nacional. Para além da participação especial do Japão, as restantes equipas vieram da Alemanha, Áustria, Bélgica, Dinamarca, Espanha, Finlândia, Grécia, Holanda, Hungria, Irlanda, Itália, Noruega, Polónia, Reino Unido, República Checa, Roménia e Suécia.

As equipas tiveram a possibilidade de otimizar e melhorar os seus micro-satélites CanSat durante uma campanha de lançamento que durou quatro dias. Os critérios de avaliação utilizados pelo júri foram essencialmente os seguintes: a construção do CanSat propriamente dito, o mérito científico e o valor educativo do projeto e o trabalho de equipa demonstrado durante toda a competição.

Após as apresentações finais de cada equipa, o júri decidiu atribuir os seguintes prémios:

1º lugar: Taistealai de Marist College Athlone (Irlanda), por terem demonstrado que os dados recebidos pelos sensores instalados a bordo do seu CanSat permitem determinar se um planeta pode suportar vida tal como a conhecemos.

 lugar: GSat do Colégio Guadalupe (PORTUGAL). Os campeões nacionais lutaram arduamente até ao fim pelo primeiro lugar da competição com a equipa irlandesa. Tinham-se proposto a demonstrar o funcionamento de uma antena de rastreamento automática que tem a capacidade de acompanhar todo o percurso do seu CanSat bem como a de receber os dados medidos por este. Pode-se dizer que conseguiram cumprir a sua missão com grande sucesso. 

3º lugar: CanSat Axular de Axular Lizeoa (Espanha). A equipa espanhola mediu e classificou a dureza do terreno onde o seu CanSat aterrou, recorrendo a uma bola desdobrável para encontrar locais adequados para uma eventual missão de exploração espacial.

Menção honrosa: HunSat de Piarista Gimnázium (Hungria). A equipa húngara mapeou os sinais locais de GSM (Global System for Mobile Communications).

Parabéns aos vencedores, aos nossos campeões e a todas as restantes equipas!

 

E agora... segue-se o CanSat 2019 Português


Aproveitamos para recordar que em outubro vão abrir as inscrições para a edição de 2019 do CanSat Português. Oportunamente serão dadas mais informações.




Partilhe





Outras Notícias


Semana Mundial do Espaço 2018 no Pavilhão
Semana Mundial do Espaço 2018 no Pavilhão


Workshops e Palestras da 5ª Conferência dos Professores EspAciais
Workshops e Palestras da 5ª Conferência dos Professores EspAciais


Reveja Don Thomas no Pavilhão
Reveja Don Thomas no Pavilhão