Notícias ESERO PT: Abertas candidaturas para Astronautas!




Pela primeira vez em 11 anos, a Agência Espacial Europeia (ESA) está a contratar astronautas! Os novos recrutas terão a oportunidade de trabalhar ao lado dos astronautas da ESA, num momento em que a Europa entra numa nova era da Exploração Espacial.

As candidaturas abrem no dia 31 de março de 2021. A ESA está a encorajar fortemente as mulheres a concorrerem, porque pretende expandir a diversidade de género nas suas fileiras.

Os representantes dos media foram convidados para um evento de imprensa virtual na próxima terça-feira, dia 16 de fevereiro, para saberem mais informações sobre as vagas que se destinam a iniciar uma verdadeira mudança geracional para a ESA.


Mensagem da ESA

O Diretor Geral da ESA, Jan Wörner, afirma: «Graças a um forte mandato dos Estados Membros da ESA no Space19+, o nosso Conselho Ministerial em 2019, a Europa toma agora o seu lugar no centro da Exploração Espacial. Para chegarmos mais longe do que nunca, precisamos de ter uma visão mais ampla do que antes. Este processo de recrutamento é a primeira etapa e espero que a Agência possa evoluir em todas as áreas de exploração e inovação espacial, com os nossos parceiros internacionais, nos próximos anos.»

«Levamos muito a sério representar bem a nossa sociedade», diz David Parker, Diretor de Exploração Humana e Robótica da ESA. «A diversidade na ESA não deve apenas abordar a origem, idade, experiência ou o sexo dos nossos astronautas, mas também as deficiências físicas. Para tornar este sonho realidade, juntamente com o recrutamento de astronautas, vou lançar o Projeto de Viabilidade do Parastronauta - porque é chegada a hora de inovar.»

 

Procuram-se novos Astronautas

As vagas encontram-se disponíveis entre 31 de março e 28 de maio de 2021. A ESA apenas considerará as candidaturas que forem submetidas na sua página oficial de carreiras espaciais dentro dessas 8 semanas. A partir daí, terá início o processo seletivo em 6 etapas, com previsão de conclusão em outubro de 2022.

A campanha de seleção será oficialmente lançada pela ESA a 16 de fevereiro numa série de seis conferências de imprensa virtuais, que darão a conhecer os detalhes do processo de seleção dos futuros astronautas. Todas elas contarão com a presença de vários astronautas europeus, especialistas em exploração humana e robótica, médicos espaciais, responsáveis pelo centro de treinos de astronautas da ESA e gestores de recursos humanos. Irão decorrer entre as 12h00 e as 15h30 (hora de Portugal Continental) em cinco indiomas: Inglês, francês, alemão, holandês, italiano e castelhano. Estas conferências de imprensa serão transmitidas ao vivo na plataforma online da ESA, a ESA WEB TV 1

 

Samantha Cristoforetti (Italiana)

Thomas Pesquet (Francês)

Alexander Gerst (Alemão)

  

Requisitos para a candidatura

Os detalhes específicos dos requisitos dos candidatos ainda não foram totalmente definidos pela ESA, que por sua vez terá que trabalhar em função do grupo de pessoas que responder à chamada. Não haverá limite máximo de idade, mas é recomendável que os candidatos tenham menos de 50 anos, dependendo do seu estado de saúde.

A formação de um astronauta não é um processo simples nem direto, uma vez que não existem escolas nem cursos universitários para esse efeito. Embora não haja um diploma de graduação nesta área específica, a ESA recorda na sua página oficial que geralmente é necessário ter um “elevado nível de habilitações em disciplinas científicas ou técnicas”.

«Os astronautas têm de ser capazes de aplicar os seus conhecimentos e capacidades de acordo com as tarefas para as quais foram formados», escreve-se ainda no site da ESA. «A experiência anterior com operações de aeronaves é um bónus, especialmente se envolver tarefas de grande responsabilidade, como ser piloto de testes ou engenheiro de voo. Quanto mais habilidades e experiência um candidato tiver, melhor, pois isso aumentará sua capacidade de realizar uma variedade de tarefas.»

Para mais informações sobre a formação e o trabalho dos astronautas, recomendamos a consulta da brochura sobre carreiras espaciais criada pelo ESERO PT, em parceria com o projeto Space Awareness.

 

‘Como posso tornar-me num astronauta?’

Frank Danesy - responsável pelo recrutamento de mais de 1.500 engenheiros, cientistas e gerentes profissionais altamente qualificados para uma ampla gama de tecnologias espaciais, projetos e missões da ESA - já fez esta pergunta a si próprio muitas vezes. Neste vídeo, Frank refere algumas das qualidades necessárias que se exigem a um astronauta e fala das campanhas de seleção e do treino rigoroso que tem que ser seguido pelos poucos candidatos que têm a sorte de ser escolhidos para desempenhar esta profissão:

 

 

Será desta que teremos o primeiro astronauta Português? 




Partilhe





Outras Notícias